Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O Sporting é a paixão que nos inspira. Não confundimos competência com cultos de personalidade. 110 anos de história de um clube que resiste a tudo e que merece o melhor e os melhores de todos nós. Sporting Sempre


20170115 (1).jpg

 

Circo mais uma vez, melhor, circos. Um dentro de campo, outro no balneário e outro ainda que se estendeu das imediações do estádio ao hotel para acabar no núcleo de Vila Real.

 

Vamos ao primeiro, aquele que todos vimos e não há diz-que-disse.

 

Entrar com Bruno César na lateral esquerda, contra equipas arrumadas e em sua casa, é suicídio. O golo foi aos quatro minutos mas antes já tinha passado uma diagonal nas costas do mencionado para morrer nos pés de Coates que sem oposição, aliviou para fora. À segunda foi o que foi. Na frente muito pouco futebol, Alan a ser Alan, Campbell sem perceber onde tinha de estar e Gelson a tentar a tentar mas tirando o cruzamento para o golo, pouco fez. Sendo isto um jogo de equipa, sozinho é complicado. Dost aquele que não presta, tem 13 golos no campeonato. Isto sem quase volume de jogo nenhum.


Segunda parte, trocamos Ruiz por Ruiz (qual dos dois o que tem menos vontade jogar à bola) e sai Campbell para entrar o Balada que, coitado, nem na B era titular. Ligeira melhoria que foi suficiente para ficar em vantagem, uma vez mais pelo inevitável Dost que pelas mais variadas razões é o único que assusta e fixa defesas. Pois, tirá-lo no fim do jogo é capaz de não ser boa ideia mas para ele ficar tinha que se admitir o erro que foi a entrada de André e como já nós bem sabemos, o mestre não erra. Só os outros.

 

Segundo circo, no balneário, Bruno aos berros no balneário, William e Adrien a não gostarem do tom e a fazerem um conjunto de ameaças. No Rumo Certo portanto.

 

Terceiro circo, contestação à saída do estádio e no hotel onde está hospedada a equipa e alguém está de fim-de-semana romântico, resolvido com uns copos pagos no núcleo de Vila Real. Não confundir com tachos nem nada disso. O Sportinguista é incorruptível. Ou não.


Para terminar, não percebo o porquê desta contestação agora, já há meses que tinha identificado vários problemas que só podiam ter um resultado: este que estamos a ver agora.

 

SL

Autoria e outros dados (tags, etc)


editado por Ivaylo a 25/2/17 às 12:10




Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D