Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Sporting é a paixão que nos inspira. Não confundimos competência com cultos de personalidade. 110 anos de história de um clube que resiste a tudo e que merece o melhor e os melhores de todos nós. Sporting Sempre


20170113 (1).png

 

 

Pela sua juventude, irreverência e arrojo nas promessas de campanha, Bruno Carvalho augurava a pedrada no charco que se impunha após o desastrado, e com graves consequências, mandato de Godinho Lopes.

 

O número de sócios

 

Imbuído desse espírito, faz do necessário aumento do número de sócios uma das suas primeiras missões e lança algumas decisões para dar corpo a essa estratégia expansionista. A campanha publicitária, em vários suportes, "Se É Amor Declara-o" é uma delas. E para dispensar o encontro fortuito com o Cupido para declarar esse Amor, cria-se a iniciatica Sócio Num Minuto, que testemunhei alguém a fazê-lo e cumpre o tempo anunciado. Para os que tinham tido um arrufo, e como já não existe o "Perdoa-me" para a reconciliação, lança-se o Regresso Num Minuto em que, tal como na opção anterior, com rapidez e à distãncia de alguns clicks se (re)ingressa na família Leonina. Considerando o momento crítico que o país atravessava, e identificando a ameaça que isso constituía à almejada expansão, é lançada a revolucionária categoria de Sócio B, com metade do valor de quota e a perca de alguns direitos inerentes. Em Maio de 2013 Cristiano Ronaldo torna-se o sócio 100.000 e em Outubro de 2016 é anunciada a 150.000, registando-se assim um aumento de 50% em 3 anos e 5 meses.

 

É no entanto de elementar justiça ressalvar como verdadeiro motor deste crescimento a gigantesca militância e fervor clubistíco do Sportinguista. Em mais de 100 anos de História outros momentos menos positivos houveram. Após a década dos Cinco Violinos inicia-se um período, apenas interrompido em 1974..., em que o rival benfica detinha o total controlo (consentido e incentivado pelo Estado Novo) das estruturas do futebol (o que assitimos hoje não passa de uma repetição...) e com isso garantia a "proeza geométrica" de vencer "aos três de cada vez". Pior!, nas décadas de 80 e 90 atravessámos um longo jejum de 18 anos sem revalidar o Título. Nunca, em nenhum destes momentos, o Sporting Clube de Portugal perdeu a sua identidade popular, nacional e internacional! Ainda que por vezes Bruno Carvalho pareça discordar desta realidade com algumas declarações que já fez, a enorme militância Sportinguista é garante que a linha «Tu nunca vais acabar» no cântico dispensava-se por nem fazer sentido equacionar tal hipótese. Justiça faça-se também aos Sócios da categoria A, que não obstante o carácter solidário da categoria B, são os que conferem realidade linear às receitas de quotização.

 

As maiores vendas

 

Logo a começar o seu mandato é obrigado a lidar com alguns dossiers complicados, herdados de Godinho Lopes, no que à permanência/renovação ou venda/dispensa de alguns jogadores diz respeito. Com algumas rescisões "menos amigáveis" aplicou a célebre «vassoura» de Luís Duque. Mas de um inicial problema de renovação de Bruma acaba por conseguir uma venda por valor bastante razoável. Para quem não tem a possibilidade de recorrer à "venda à tabela" de Jorge Mendes (15M€), os 10M€ encaixados acabaram por se tornar uma agradável surpresa no que parecia ser um cenário de ruptura. Pena que o cenário de ruptura de Cédric não se tenha também transformado numa venda de valor surpreendente (5,5M€), ou melhor, que tivesse renovado (que falta faz!).

 

Entretanto, esperamos 3 anos para no último defeso, finalmente!, ser destronada a venda de Nani (25,5M€) como a mais elevada da História do Sporting. João Mário passa a ocupar o primeiro lugar com 40M€ e, eventualmente, mais uns potenciais 5M€ mediante objectivos. Eventualmente por a época do Inter estar a ser, eventualmente, um desastre já com uma baixa registada em Frank de Boer. Nesta excelente venda seria injusto não atribuir mérito a outras pessoas. A começar por Aurélio Pereira, nome que tem de ser referido sempre que se fale em em jogadores provenientes da Formação Leonina. Uma nota especial ao seu irmão – Wilson Eduardo – que certamente há-de ter contribuído para a estabilidade emocional do atleta. Obrigado a todos os treinadores que o orientaram nas camadas jovens e a um em especial – Marco Silva – que o repescou de empréstimo e o integrou com sucesso no plantel principal.

 

Por 30M€, mais os improváveis 5M€ visto o Leicester ter algum paralelo no Inter, sai também Islam Slimani. Em todo o mandato de Bruno Carvalho o único a justificar a, entretanto adoptada, política de comprar para revender. Uma excelente contratação que, com a sua grande entrega e motivação, teve um percurso sempre ascendente ao longo da sua permanência no Sporting. Sempre ascendente..., excepto um ou outro período em que, devido a desentendimentos com Bruno Carvalho, manifesta alguns actos de indisciplina e alguma pontual quebra de rendimento. Em relação ao singelo valor de aquisição, e à oportunidade da mesma, há que atribuir igualmente crédito ao presidente do porto, pois foi a sua (habitual) "golpada" de roubar Ghilas que faz o Sporting voltar-se para o seu substituto na selecção argelina. Ainda hoje deve ter pesadelos com o fabuloso lucro que o Sporting teve com o jogador.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


8 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 13.01.2017 às 10:03

Discordo completamente com o início do post.

Desde o início que este indivíduo nunca augurou "nada" de bom.

Discordo em absoluto com a adjectivação que se utiliza para se referir á anterior direcção.
Imagem de perfil

De Ivaylo a 13.01.2017 às 12:32

Caro Anónimo,

Ainda que no seu caso tenha existido uma (provavelmente bem fundamentada) rejeição desde o primeiro momento das capacidades de Bruno Carvalho, no Universo Leonino não foi essa a percepção. É nessa óptica que escrevi a introdução.

SL
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 13.01.2017 às 10:09

Dossiers complicados!?

Quais dossiers complicados!?
Imagem de perfil

De Ivaylo a 13.01.2017 às 12:33

Caro Anónimo,

Dier, Bojinov e Bruma, por exemplo.

SL
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 13.01.2017 às 10:14

A credibilidade desta gente em relação a números é "nenhuma", por isso, esse número de sócios não cola.
Além do mais tem sido vergonhoso a propaganda manipulativa que têm tentado fazer com isso, até inventam mais que um sócio com o mesmo número.
Imagem de perfil

De Ivaylo a 13.01.2017 às 12:35

Caro Anónimo,

Referi-me ao número de sócios "anunciados" através da numeração que já atingimos. Quantos desses são sócios pagantes com as quotas em dia... Os cadernos eleitorais responderão. Confesso alguma curiosidade nesse número...

SL
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 13.01.2017 às 10:22

"Entretanto, esperamos 3 anos para no último defeso, finalmente!"

Está a brincar connosco!

Porque é que acha que isso aconteceu!?

Mas acha que foi obra do "especialista" em falir empresas!?

Veja todas as vendas ou ofertas que foram efectuadas até esse período, e verifique a quantidade de jogadores "oferecidos", e consequente delapidação de activos do clube.
Imagem de perfil

De Ivaylo a 13.01.2017 às 12:37

Caro Anónimo,

Precisamente por não lhe conferir toda a responsabilidade no sucesso destas vendas em particular, listei outros aos quais são também devidos agradecimentos.

Repare que neste post aludi ao que foi bem feito. Teremos oportunidade de analisar também a «delapidação de activos do clube.».

SL

Comentar post




Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D